Diário de uma pasteleira portuguesa a pasteleirar por aí...
Terça-feira, 31 de Julho de 2007
Os 13 da vida airada

 

  Desde que estou aqui isto tem sido um "entrar e sair" de gente nesta casa de doidos!  Já vivi e convivi com pessoas de todo o mundo, já ouvi os mais estranhos idiomas e provei as mais estranhas comidas... Já discuti religião, sexo, comida, clima, tradições e muitos outros temas com tantas culturas com prespectivas diferentes.

  É interessante viver com tanta gente? Claro que sim!

  Mas não é uma grande confusão? Claro que sim!

Agora somos 13, mas por aqui não há azar, por acaso acho que temos sorte, somos um grupinho engraçado, com 10 nacionalidades diferentes e respeito uns pelos outros, que é o mais importante para viver em comunidade. Aqui fica a foto de um dia em que finalmente nos conseguimos juntar todos (às vezes é dificil porque todos temos turnos diferentes). Agora a minha familia temporária é composta pelo Craig (Escócia), Marta e Kamil (Polónia), Viki (Hungria), Sian (País de Gales), Esther (Espanha), Stephanie e Sabine (Austria), Zaza e Giorgi (Bulgária), Karl (Inglaterra) e Sinem (Turquia).

  Mas entretanto ontem ia eu toda toda lampeira da cozinha para o meu quarto, quando me deparo com um rapaz sentado no sofá da sala que eu nunca tinha visto:

  Eu: Olá, quem és tu?

  Rapaz: Olá, sou o Samuel (diz ele com um sotaque francês muito carregado)

  Eu: Ahhhhh! Mas vives aqui?

  Rapaz: Sim, cheguei hoje.

 

  Ora portanto somos 14... Eu bem disse que isto era um "entrar e sair" de gente...



publicado por Rita Pastelerucha às 12:34
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 25 de Julho de 2007
PERIGO: Idosos!!!

  Já vos tinha dito que a maioria das pessoas que vivem aqui neste vilarejo têm mais de 70 anos? Isto é quase como viver num grande lar da 3ª idade ao ar livre, já estou habituada a ver avózinhos de cabelo branco com as suas bengalitas por todo o lado e desviar-me de cadeiras de rodas motorizadas faz parte da minha rotina diária.

  Mas quando vi este sinal na estrada não pude deixar de rir... É preciso ter cuidado é, sobretudo com estas velhotas atrevidas que ainda gostam de dar uns apalpõezitos ao seu velhote!...



publicado por Rita Pastelerucha às 18:50
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Quinta-feira, 12 de Julho de 2007
O desafio das manias...

  "Cada bloguista participante tem de enunciar cinco manias suas, hábitos muito pessoais que os diferenciem do comum dos mortais. E além de dar ao público conhecimento dessas particularidades, tem de escolher cinco outros bloguistas para entrarem, igualmente, no jogo, não se esquecendo de deixar nos respectivos blogues aviso do "recrutamento". Ademais, cada participante deve reproduzir este "regulamento" no seu blogue."
Tenho a mania de...

  Este foi o desafio que a minha amiga Cláudia, que me presenteia sempre com comentários aqui no blog, me lançou. Isto porque ela não se conteve e também aderiu recentemente à moda bloguista, podem visitá-la em http://www.omeusotaodeideias.blogspot.com

  Eu sempre tive a mania que tinha muitas manias (preguntem à minha mãe, de certeza que responde com o belo do "puffffffffffffffffff", como a dizer que teriam conversa para horas), mas depois de muito pensar até nem foi facil enumerar 5... Afinal o meu caso não é tão grave como eu pensava e o internamento pode esperar!

1- A minha principal mania, a primeira que me lembrei e a que salta à vista de todos que me conhecem e me vêm no dia-a-dia: A mania de conjugar as cores da roupa (FOTO). Não sei como começou ou como cresceu, mas a verdade é que todos os dias escolho uma cor e visto-me quase dos pés à cabeça com tudo conjugado. A coisa começa nos sapatos e continua pelas meias, camisola, relógios, ganchos, elásticos e fitas de cabelos, mala, cintos e outros acessórios e até roupa interior. Quem me conhece sabe que não exagero e que tenho resmas de sapatos, relógios, malas, etc, cada um na sua cor.

2- Pronto confesso: sou uma "control freak"! Tenho a mania da organização, de um lugar para cada coisa e de cada coisa no seu lugar. Sou extremamente organizada, no trabalho e em casa. Coisas fora do sitio tiram-me do sério e não gosto mesmo nada de atrasos e esquecimentos. Por isso para ter sempre tudo sob control tenho a mania de fazer listas. Faço listas para tudo, sobretudo no trabalho, do que tenho de fazer, do que tenho de comprar... Tenho a sensação de que se não escrever na lista me vou esqueçer, mas também porque adoro riscar coisas e ver como o trabalho "desaparece"... Se bem que quando acabo uma lista, começo logo outra...

3- Tenho de adormecer sempre com a televisão ligada, desde que me lembro que tenho esta mania. Não gosto de adormecer no silêncio.

4- Quando vou a um café tenho sempre de começar a brincar com os guardanapos de papel, que dobro e redobro, faço pulseiras e anéis. Provavelmente nunca ninguém reparou nisto, mas eu tenho-me vindo a dar conta que não posso mesmo estar quieta com os guardanapos.

5- Talvez seja um defeito profissional, mas tenho a mania dos programas de culinária e dos livros de cozinha e pastelaria. Quando entro numa livraria vou direitinha à secção de gastronomia e posso lá passar horas sem me chatear nada e quando estou em casa ando sempre a fazer zapping à caça de algum programa onde alguém esteja a cozinhar alguma coisa. Como se já não bastasse ver isso ao vivo 12 horas por dia, todos os dias... Que raio de mania!...

 

  Bom agora que li o que escrevi não tenho tanta certeza em relação ao internamento...

 


publicado por Rita Pastelerucha às 15:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sexta-feira, 6 de Julho de 2007
Budapeste (Hungria)

 

  Parece impossivel que faz hoje uma semana ainda estava na Hungria com o meu amigo Karl a laurear a pevide pelas margens do Danubio e agora já voltei à vidinha trabalhadora de sempre. Mas sem dúvida que esta pausa me soube muito bem.

  A cidade é linda, na verdade são duas cidades, Buda e Pest, cada uma numa margem do rio que se uniram no século passado para dar origem à cidade que é hoje Budapeste. Foi optimo ver o Laszlo de novo e o facto de termos um guia nativo fez com que para além da rota tipica turistica pudessemos ter uma idea real da vida hungara.

  Aconselho vivamente uma visita, é uma cidade enorme com imensas coisas para ver e fazer, bonita e barata. Por enquanto ainda não têm euros (vão ter em 2010), portanto aproveitem agora antes que os preços subam!

  Fartamo-nos de passear, de comer e principalmente de rir, que foi o mais importante. O pior foi mesmo voltar a casa e passar 8 horas no aeroporto de Manchester à espera do comboio para a santa terrinha onde vivemos.

  Vejam as fotos no meu espaço msn e digam lá se não tenho razão!



publicado por Rita Pastelerucha às 17:27
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

mais sobre mim
procurar doces no blog
 
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
28


doces recentes

Era uma vez uma quinta...

We'll allways have Paris....

Um brinde...

Se não tiverem paciência ...

E lá fui eu otra vez!

Abram alas para o Noddy!

Arcaz Velho

Há quem compre carros, eu...

25 cm é muito?

A barata diz que tem...

Às vezes tenho tanta fome...

Barcelona!

Mais uma churrascada...

Eu é mais bolos...

Estavam boas estavam...

doces antigos

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

tags

todas as tags

links
gulosos
Free Hit Counters
Hit Counters
translate me
termómetro
Click for Lisboa, Portugal Forecast
blogs SAPO
subscrever feeds